Foto Reprodução – Aaron Tura
Os pagamentos de julho do Bolsa Família continuam ocorrendo em todo o país, mas neste mês não houve liberação do Auxílio Gás. O benefício concedido para ajudar na compra do gás de cozinha não foi depositado neste mês porque suas parcelas são bimestrais.


O documento que cria o programa social estabelece que os repasses devem ser feitos uma vez a cada dois meses. Em seguida, o governo federal determinou que o crédito ocorreria somente nos meses pares do ano.

Dessa forma, já é possível saber que os próximos pagamentos do chamado vale-gás serão realizados em agosto, respeitando o intervalo de um bimestre. Mas quando começam e terminam os depósitos? Descubra a seguir.

Objetivos e requisitos do Auxílio Gás
Criado para ajudar os brasileiros de baixa renda na compra do gás de cozinha, o benefício tem seu valor baseado no preço médio do botijão de 13 kg, conforme apuração feita pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nas revendedoras de todo o Brasil.

A família interessada em receber precisa estar registrada no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e ter renda mensal de até meio salário mínimo (R$ 660) por pessoa. O programa também atende lares com membros que recebem o BPC (Benefício de Prestação Continuada) do INSS.

A seleção dos aprovados é feita pelo Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, responsável pelos programas sociais do governo. A pasta adota critérios de prioridade como menor renda, maior número de integrantes, lares chefias por mulheres e outros.

Para se inscrever no CadÚnico, basta comparecer a um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e apresentar documentos pessoais de todos os membros da família, além de comprovantes de endereço e renda. É possível realizar um pré-cadastro no aplicativo Cadastro Único para agilizar o atendimento presencial.

Próximo calendário
Em junho, o Auxílio Gás contemplou quase 5,62 milhões de famílias de todo o país com uma parcela de R$ 109. Na próxima rodada, o número pode variar um pouco, considerando inclusões e exclusões.

Assim como o Bolsa Família, o vale-gás é pago nos dez últimos dias do mês, na ordem do final do Número de Identificação Social (NIS) do aprovado. Confira o calendário de agosto:

NIS final 1: 18/08;
NIS final 2: 21/08;
NIS final 3: 22/08;
NIS final 4: 23/08;
NIS final 5: 24/08;
NIS final 6: 25/08;
NIS final 7: 28/08;
NIS final 8: 29/08;
NIS final 9: 30/08;
NIS final 0: 31/08.