Foto Reprodução – Garagem 360
Que os preços de carros no Brasil são muito mais altos que diversas partes do mundo não é uma novidade, mas agora uma consultoria da BDO realizou uma análise sobre os preços dos carros mais vendidos no Brasil, constatando que eles seriam até 44,78% mais baratos por aqui sem impostos. Você esperava que fosse tanto?

Leia também: Energia solar terá imposto zero: chegou a hora de comprar um painel?

A alta carga tributária é apontada como um dos principais motivos para os preços elevados no setor automotivo brasileiro. O cenário do mercado automotivo se tornou ainda mais complexo recentemente, quando o Governo Federal lançou uma medida provisória para incentivar as montadoras a reduzirem os preços dos automóveis, visando aquecer o setor.

No entanto, essa iniciativa teve duração de apenas um mês, levantando questionamentos sobre o impacto do governo nos valores dos carros e levando a população a se perguntar como seriam os preços dos veículos mais vendidos sem a tributação existente hoje.

Carro sem impostos é possível no Brasil? Veja tabela
Embora a hipótese de imposto zero não seja realista em nenhum país, é interessante ponderar sobre o valor dos carros no Brasil se o percentual máximo de impostos sobre o valor total fosse removido (os 48,6% atuais).

Uma tabela foi divulgada com os preços dos 10 carros mais vendidos no Brasil, levando em conta os modelos de entrada de cada veículo e sem o desconto sugerido pela medida provisória que já não está em vigor. Por exemplo, o Chevrolet Onix, que atualmente custa R$ 84.390, teria um preço aproximado de R$ 43.376,46 sem a tributação.

Os 10 carros mais vendidos do Brasil sem impostos

Modelo Preço com Imposto Preço sem Imposto (-48,6%)
Chevrolet Onix     R$ 84.390 R$ 43.376,46
Volkswagen Polo     R$ 82.290 R$ 42.297,06
Chevrolet Onix Plu     R$ 96.390 R$ 49.544,46
Hyundai HB20     R$ 82.290 R$ 42.297,06
Volkswagen T-Cross   R$ 116.550 R$ 59.906,7
Fiat Argo                     R$ 79.790 R$ 41.012,06
Fiat Mobi             R$ 68.990 R$ 35.460,86
Jeep Compass             R$ 176.790 R$ 90.870,06
Hyundai Creta (Nova geração) R$ 130.990 R$ 67.328,86
Chevrolet Tracker R$ 127.690 R$ 65.632,66

Comparando com outros países, o Brasil se destaca pela alta carga tributária. Nos Estados Unidos, por exemplo, os impostos sobre carros podem variar de 6% a 7,5%, enquanto em países vizinhos como Chile e Argentina, as alíquotas são de 19% e 21%, respectivamente – menos da metade das taxas brasileiras.

De acordo com o levantamento do site britânico ScrapCarComparison, o Brasil é um dos países mais caros para ter e manter um carro, ocupando o 5º lugar nesse ranking. Para manter um veículo, o brasileiro precisa desembolsar 441,89% do salário médio anual. Em contraste, a Austrália é considerada o país mais “barato”, com despesas equivalentes a 49% do salário médio anual, seguida pela Dinamarca, que requer 60,34%.